LogMeIn anuncia pacote gratuito de software para trabalho remoto a organizações de saúde, escolas e governo

Caro jornalista!

Como sabe, o novo coronavírus (COVID-19) tem agitado o mercado e transformado a forma como empresas, escolas e governo em todo o mundo trabalham, forçando-os a adotar rapidamente políticas para atuação remota e a estabelecer planos de contingência. 

Como forma de dar suporte a todos que precisam se adaptar rapidamente, a LogMeIn passa a oferecer “kits de emergência para trabalho remoto” gratuitos para governos, instituições educacionais e organizações de saúde, além de estender o serviço aos clientes da empresa, mesmo que de outros produtos, para garantir que eles permaneçam conectados quando mais importa.

Os “Kits de Emergência para Trabalho Remoto” abrangem soluções para reuniões e videoconferências, seminários on-line e eventos virtuais, suporte / gerenciamento remoto de TI e acesso remoto a dispositivos (GoToMeeting / GoTo, Pro, Central, Rescue).

Você pode ler o anúncio do CEO da LogMeIn, Bill Wagner, na íntegra, neste link. Caso tenha interesse em saber mais sobre o assunto, Peter Kodic, Diretor Comercial para a América Latina na LogMeIn, está à disposição para falar com a imprensa.

Abaixo também compartilhamos mais informações que ajudam a compreender como organizar uma força de trabalho remota.

Compreenda os desafios de uma força de trabalho remota

Treinar a equipe e manter sempre um discurso positivo são algumas das dicas que podem facilitar o trabalho remoto nas empresas

O trabalho remoto está crescendo - e isso não é surpresa, já que os benefícios são inúmeros. Empresas podem empregar os melhores talentos de todas as partes do mundo, reduzir as tradicionais despesas com escritórios e proporcionar aos funcionários um melhor equilíbrio entre vida profissional e pessoal. No entanto, a adoção de políticas favoráveis ao trabalho remoto leva tempo e necessita do apoio dos executivos e de preparação por parte do empregado e do empregador.

A crescente epidemia do novo coronavírus (COVID-19) está obrigando as empresas globais a repensarem muitas de suas estratégias, envolvendo desde finanças e operações até instalações e políticas de RH. Para ajudar no preparo do time para o trabalho remoto, a LogMeIn, líder de mercado em comunicações unificadas e colaboração, identidade e acesso, destaca alguns desafios a serem considerados caso esteja preparando uma política de trabalho remoto para sua organização - seja para uma emergência temporária ou para colher benefícios no longo prazo.

  1. Treine uma equipe virtual.

Integrar profissionais remotos, treinados e atualizados requer uma certa habilidade. Sem o recurso de aprender por meio de observação direta e interação diária no escritório, os funcionários remotos precisam de uma abordagem personalizada. O sucesso nessa área dependerá, em grande parte, de como você vai se comunicar. E-mail? Mensagens instantâneas? Vídeos chamadas? Todos são ótimos, porém quando surgirem condições inesperadas de trabalho, lembre-se de ter uma discussão honesta com sua equipe sobre possíveis barreiras e implemente uma abordagem que funcione para todos os indivíduos.

Por exemplo, seminários on-line (ao vivo ou pré-gravados) permitem que funcionários aprendam em seus próprios ritmos, mantendo-os envolvidos - um desafio fundamental no e-learning atualmente. Além disso, o aproveitamento dos recursos de compartilhamento de tela em uma ferramenta como o GoToMeeting minimiza a confusão e facilita a compreensão de conceitos difíceis de entender por equipes dispersas.

  1. Defina uma cultura para a empresa.

Criar uma cultura única no local de trabalho é difícil quando sua equipe está distribuída pelo mundo e em diferentes fusos horários. Encontrar um horário em que todos membros da equipe possam participar de uma reunião já é um desafio. Imagine tentar reunir todos para desenvolver a coesão que surge das interações casuais no “cafezinho”, sem um espaço físico onde todos se encontram.

Como solução, tente usar tecnologias modernas de telecomunicações. Sistemas VoIP hospedados ou plataformas de Comunicação e Colaboração Unificada (UCC, no acrônimo em inglês) oferecem às empresas a oportunidade de manter a comunicação o tempo todo. Isso oferece às equipes geograficamente separadas mais opções para promover a conexão entre os membros.

  1. Propensão a falhas de comunicação.

Equipes virtuais usam e-mails, mensagens e telefonemas para se comunicar com colegas. Nesse contexto, tom e linguagem corporal - elementos importantes para construir relacionamentos e estabelecer clareza - são perdidos na comunicação. Sem eles, é fácil extrair informações do contexto ou interpretar mal as situações.

Para resolver isso, incentive os membros da equipe a assumir sempre uma postura positiva. Mesmo quando o discurso não está indo tão bem quanto você gostaria, nunca assuma que o colega está sendo agressivo. Isso geralmente muda a conversa para uma direção negativa que pode afetar as relações de trabalho.

Ao trabalhar em condições que não sejam as ideais, é extremamente vital considerar o impacto que o trabalho remoto pode ter na produção das empresas. Felizmente, não é nada que uma boa perspectiva e soluções tecnológicas apropriadas não possam resolver.

Sobre o portfólio de Comunicações Unificadas e Colaboração da LogMeIn

Líder de mercado reconhecida em Comunicações Unificadas e Colaboração (UCC), a LogMeIn possui o portfólio mais abrangente do setor de soluções de UCC, criando maneiras mais inteligentes de reunir, conectar, comercializar e treinar, aprofundar relacionamentos e gerar melhores resultados. O portfólio inclui produtos premiados como o GoToMeeting, GoToWebinar, Grasshopper e Jive, bem como as soluções GoToConnect e GoToRoom recentemente anunciadas. A linha de produtos UCC da LogMeIn auxiliam mais de 28 milhões de usuários por mês, com mais de 1,5 bilhão de minutos de conferência por mês, contribuindo para mais de 8 milhões de reuniões por mês e quase 20 bilhões de minutos em chamadas de voz por ano.

Sobre a LogMeIn, Inc.

A LogMeIn, Inc. simplifica a maneira como as pessoas se conectam umas com as outras e com o mundo ao redor delas para gerar interações significativas, aprofundar relacionamentos e criar melhores resultados para indivíduos e empresas. Uma das 10 maiores empresas públicas de SaaS e líder de mercado em comunicações unificadas e colaboração, identidade e acesso, e soluções de suporte e envolvimento do cliente, a LogMeIn tem milhões de clientes abrangendo praticamente todos os países do mundo. A LogMeIn está sediada em Boston, Massachusetts, com localizações adicionais na América do Norte, América do Sul, Europa, Ásia e Austrália. Visite: https://www.logmein.com/pt.

Contatos para imprensa:

Sing Comunicação de Resultados


Também encontrado em: