Volvo Cars amplia colaboração com NVIDIA Enterprise: modelos autônomos de última geração da Volvo com tecnologia NVIDIA DRIVE Orin™

A Volvo Cars ampliou sua colaboração com a NVIDIA Enterprise para usar a tecnologia do sistema em chip (SoC — System-on-a-Chip) NVIDIA DRIVE Orin™ no computador de condução autônoma dos modelos de última geração da empresa.

É necessária muita potência computacional para garantir uma condução autônoma segura. A NVIDIA DRIVE Orin™, uma plataforma de computação de Inteligência Artificial (IA) líder para o setor automotivo, consegue realizar 254 teraoperações (ou 254 trilhões) por segundo (TOPS).

A Volvo Cars pretende ser a primeira fabricante de carros com atuação mundial a usar a NVIDIA DRIVE Orin™ na próxima geração de modelos, baseados na futura arquitetura modular de automóveis SPA2. O primeiro carro com esse SoC é o novo Volvo XC90, que será revelado no próximo ano.

“Acreditamos que parcerias com as principais empresas de tecnologia do mundo podem nos ajudar a criar os melhores modelos possíveis. Com o poder da tecnologia NVIDIA DRIVE Orin™, podemos aumentar a segurança em nossa próxima geração de carros”, afirma Henrik Green, diretor de tecnologia da Volvo Cars.

O plano da Volvo Cars de usar a NVIDIA DRIVE Orin em seus computadores de condução autônoma é resultado do forte compromisso da empresa com os mais altos padrões de segurança possíveis.

O computador com tecnologia NVIDIA DRIVE Orin™ é fundamental para garantir uma condução autônoma segura e atualizada continuamente. Ele funcionará com softwares desenvolvidos internamente pela Zenseact, empresa de desenvolvimento de softwares de condução autônoma da Volvo Cars, e sistemas de backup para direção e frenagem.

Com a potência computacional e o processamento gráfico adicionais fornecidos pela NVIDIA DRIVE Orin™, é possível instalar conjuntos avançados de sensores necessários para a condução autônoma, como a tecnologia de ponta LiDAR desenvolvida pela Luminar, outra parceira da Volvo Cars.

A arquitetura SPA2 da fabricante estará disponível como hardware pronto para condução autônoma a partir do início da produção. O recurso de condução autônoma sem supervisão, Highway Pilot, será ativado quando for verificado que é seguro para condições e locais geográficos específicos.

O anúncio é o próximo passo da colaboração cada vez mais forte entre a Volvo Cars e a NVIDIA Enterprise. Em 2018, a Volvo Cars anunciou que também usará a tecnologia do SoC NVIDIA DRIVE Xavier para o computador central de carros baseados na SPA2.

O computador central com tecnologia NVIDIA DRIVE Xavier gerencia as principais funções internas do carro, como software-base, gerenciamento de energia e assistência ao motorista. Ele funciona com o computador de condução autônoma com tecnologia NVIDIA DRIVE Orin™, que é dedicado a tarefas que exigem muita computação, como visão e processamento de LiDAR, e oferece o alto nível de integridade de segurança necessário para a condução autônoma.

A Volvo Cars centralizará a computação nos carros da próxima geração para que eles sejam mais seguros, personalizáveis e sustentáveis, além de possibilitar a melhoria contínua dos carros da empresa.

A adoção de uma arquitetura de computação centralizada elimina a complexidade. Agora, em vez das várias unidades eletrônicas de controle no carro que controlam recursos e sistemas individuais, a maior parte dos softwares é desenvolvida internamente e mantida em um computador central no carro. Com isso, é possível realizar melhorias e aprimoramentos em recursos com mais frequência por atualizações over-the-air.

Os termos financeiros da colaboração da Volvo Cars com a NVIDIA estão sujeitos a uma negociação final entre as partes.

Volvo Car Group em 2020

No ano fiscal de 2020, o Volvo Car Group registrou um lucro operacional de 8,5 BSEK (14,3 BSEK em 2019). A receita no período foi de 262,8 BSEK (274,1 BSEK). No ano de 2020 ao todo, foram vendidos 661.713 carros (705.452) em todo o mundo, o que representa uma queda de 6,2% em relação a 2019.

Sobre o Volvo Car Group

A Volvo Cars foi fundada em 1927. Hoje, ela é uma das marcas de carros mais conhecidas e respeitadas do mundo, com vendas de 661.713 carros em 2020 em cerca de 100 países. A empresa foi adquirida pela Zhejiang Geely Holding em 2010.

Até dezembro de 2020, ela tinha aproximadamente 40 mil (41.500) funcionários em tempo integral.  A sede da Volvo Cars e as unidades de desenvolvimento de produtos, marketing e administração ficam principalmente em Gotemburgo, na Suécia. A sede da organização da APAC fica em Xangai. As principais fábricas de carros da empresa ficam em Gotemburgo (Suécia), Ghent (Bélgica), Carolina do Sul (EUA), Chengdu e Daqing (China). Já os motores são manufaturados em Skövde (Suécia) e Zhangjiakou (China), e as peças da carroçaria, em Olofström (Suécia).

O novo objetivo da Volvo Cars é oferecer aos clientes liberdade de locomoção de modo pessoal, sustentável e seguro. Ele está presente em uma série de metas comerciais: por exemplo, a empresa quer que, até 2050, metade de suas vendas mundiais sejam de carros totalmente elétricos e que mais 5 milhões de relações diretas com os consumidores sejam estabelecidas. A Volvo Cars também tem um compromisso com a redução contínua de sua pegada de carbono e pretende neutralizar as emissões de gases do efeito estufa até 2040.

 Sobre a NVIDIA

Com a invenção da GPU pela NVIDIA (NASDAQ: NVDA), em 1999, redefinimos os gráficos de computadores modernos e revolucionamos a computação paralela. Mais recentemente, o deep learning com base em GPU deu início à inteligência artificial moderna — a próxima era da computação — com a GPU atuando como o cérebro dos computadores, robôs e carros autônomos que podem perceber e compreender o mundo. Saiba mais em http://nvidianews.nvidia.com/

Acesse também:

Site oficial da NVIDIA no Brasil: https://www.nvidia.com/pt-br/

Facebook: @NVIDIABrasil

Twitter: @NVIDIABrasil

 

Informações para a imprensa:

Sing Comunicação de Resultados

16/04/2021


Também encontrado em: